Dono de concessionária é preso por alterar a quilometragem de carros

Um empresário de 48 anos foi preso nesta quarta-feira (08) suspeito de alterar odômetros de veículos colocados à venda. O suspeito é dono de três revendedoras. A fraude era realizada para enganar os consumidores, fazendo com que eles acreditassem que o veículo tinha uma quilometragem menor do que a real.

A Polícia Civil cumpriu quatro mandados judiciais. Além da prisão, buscas e apreensões foram cumpridas nos bairros Uberaba, Cajuru e Tarumã – nas concessionárias e na casa do preso.

Durante a ação, foi constatado que um Hyundai iX35 exposto para venda estava adulterado. O odômetro marcava 89 mil quilômetros rodados, sendo que originalmente tratava-se de 107 mil quilômetros rodados.

Os policiais civis foram até a empresa que teria vendido o veículo para o homem, que garantiu ter entregue o carro ao novo proprietário sem adulterações.

Além do veículo, a PCPR apreendeu diversos documentos e celulares, que serão analisados com o objetivo de constatar outras irregularidades. As investigações prosseguem com o intuito de identificar se outros carros já vendidos ou expostos à venda nos três estabelecimentos investigados passaram pelo processo de adulteração.

Com a prisão do proprietário das lojas, a polícia pede para que outras vítimas compareçam até a Delegacia de Crimes Contra a Economia e Proteção ao Consumidor e denunciem o crime.

O homem foi indiciado por expor à venda produto impróprio para uso. Ele permanece preso à disposição da Justiça. Se condenado, ele poderá pegar até cinco anos de prisão.

Colaboração Polícia Civil e Simone Munhoz/Rede Massa

Fonte: massanews.com