Gleisi Hoffmann pode ter julgamento marcado