Homem é preso suspeito de adulterar carga de fertilizantes

Um homem foi preso nesta terça-feira (8), em Curitiba, suspeito de adulterar uma carga de fertilizantes que tinha como destino a cidade de Castro. O produto, carregado em Paranaguá, foi misturado com outros componentes antes de ser entregue em uma empresa – que rejeitou a carga após um teste de qualidade.

O delegado Cássio Conceição, responsável pelo caso, explicou que o motorista buscou a carga de 27 toneladas de fertilizante em Paranaguá. “No caminho da entrega ele parou em Curitiba, tirou uma quantidade de fertilizante, misturou com outro produto e foi levar para a empresa. A empresa, porém, recusou, pois fez a análise de qualidade e identificou a adulteração”, disse.

De acordo com o delegado, a prática é comum entre os meses de maio e junho, quando uma grande quantidade de fertilizante é distribuída no país. “Eles costumam parar no barracão, tirar parte do fertilizante, que é de alta qualidade, e misturar com produtos de baixa qualidade para repassar para a empresa”, explicou.

Em depoimento, o suspeito afirmou que ficou 12 horas parado pois o caminhão havia estragado, mas a informação foi desmentida pela equipe. “Temos conhecimento de que o caminhão não estava estragado e a análise já mostrou que o fertilizante está misturado. Os motoristas ganham cerca de R$ 5 mil a R$ 10 mil para fazer esse tipo de transporte, acreditando na impunidade”, disse.

O homem foi preso e permanece à disposição da Justiça.

Colaboração Bruna Froehner/Rede Massa

Fonte: massanews.com