Fofoca sobre suposta traição na vizinhança acaba em morte