Homem que matou 5 ao dirigir bêbado responde em liberdade