Acusado de matar youtuber pode ser solto hoje