Agência de viagem acusada de aplicar golpes em haitianos

Pai e filho, responsáveis pela agência de viagens CWB Travel foram presos suspeitos de aplicar golpes contra haitianos que moram em Curitiba. Eles vendiam passagens falsas para as vítimas, que ainda eram ameaçadas quando reclamavam do golpe.

Pedro de Camargo, de 56 anos, e seu filho Pedro de Camargo Júnior, 23, foram detidos na casa da família em Campo Largo. Contra eles foram registrados vários boletins de ocorrência e a polícia acredita que tenham levantado R$ 50 mil com o golpe.

De acordo com o delegado Pedro Filipe Antunes, do 1º Distrito Policial, eles ofereciam passagens aéreas com preços abaixo do mercado. Os bilhetes tinham números de reserva falsos e a farsa só era descoberta no momento do embarque. “Eles venderam passagens muitas vezes para que parentes viessem visitar esses haitianos aqui no Brasil e em países vizinhos”, disse.

“Eles tinham um trabalho específico a esse público, de menor poder aquisitivo, que está muitas vezes no sufoco trabalhando para trazer seus parentes para próximo e se tratava de um golpe”, explicou o delegado. Ao todo 12 vítimas procuram a polícia, mas a polícia acredita que outros haitianos foram vítimas da dupla de estelionatários. “Eles não devolviam o dinheiro e quando a vítima cobrava a devolução do dinheiro ou a passagem verdadeira eles ameaçavam, diziam que tinham parentes policiais e ameaçavam de deportação caso dessem alguma queixa”.

Os suspeitos vão responder por estelionato e ameaça.


Fonte: www.massanews.com