Preso integrante de quadrilha que roubava caminhonetes de luxo

Um homem condenado a mais de 49 anos de prisão foi preso na manhã desta segunda-feira (25), suspeito de participar do roubo de 12 carros de luxo, que seriam utilizados em um novo arrebatamento de presos planejado para a Penitenciária Estadual de Piraquara (PEP). O roubo aconteceu no dia 21 de dezembro de 2018, quando os veículos eram desembarcados em uma concessionária Chevrolet.

Marcelo Machado Maximiliano “Dunga”, de 42 anos, foi preso em um escritório de advocacia criminal, onde ele prestava serviços e, consequentemente, tinha acesso a processos e informações internas do Poder Judiciário. Contra o suspeito constava um mandado de prisão pelos crimes de estelionato, homicídio, roubo e corrupção ativa. As condenações superam 49 anos de reclusão.

Logo após o roubo dos carros, registrado na concessionária Chevrolet, uma caminhonete Trailblazer foi localizada pela Guarda Municipal, em um posto de combustíveis, já com placas frias. As câmeras do estabelecimento flagraram Maximiliano, o que indicou sua participação naquele roubo.

Nos últimos dias, a Polícia Civil colheu informações que indicavam a movimentação de criminosos para o arrebatamento de presos da organização criminosa. Desta forma, foram intensificadas as investigações, que chegaram até a prisão do foragido.

O homem foi encaminhado à delegacia e permanece à disposição da Justiça.


Fonte: www.massanews.com