Laudo conclui que mortes foram provocadas por falta de segurança